Gioia Food Lab

E que bem que se come por aqui, é o que vos digo. E se não conhecem nem sabem o que estão a perder.

 

 

O Gioia – alegria em italiano – abriu há uns mesitos na Praça da Alegria, em Lisboa, e tenta juntar os conceitos de orgânico, biológico e  afins a pratos que no resultado final sejam de comer e chorar por mais.

 

 

Logo à entrada servem-nos, água purificada e ionizada com pH regulado e um couvert com pão  com farinhas alternativas ao trigo, como a de espelta. Para acompanhar pode haver húmus ou manteiga vegetal, tudo sempre caseiro.

Há pizzas em forno de lenha feitas com base de farinha de espelta e kamut, há ceviches, um tártaro de novilho que foi eleito pela Time Out como o melhor tártaro de novilho do último ano, há bacalhau confitado com aveludado de couve, carne maturada com crocante de batata, risoto de cevada e afins.

 

 

Ao almoço há um menú fixo sempre com novidades pelo preço de 15 euros – couvert, entrada, prato, sobremesa e bebida.

No dia em que lá estive entre 3 pessoas provámos  como entrada a cavala com maçã, aipo e abacate e o pato tostado com beterraba, mostarda e courgete. Ambos muito bons.

 

FullSizeRender gioia cavala

 

Como prato principal provei o orzotto de bacalhau, bróculos e alho que para quem não sabe como eu não sabia, é um risoto feito com massa pevide em vez de arroz. E que bom que estava. E bonito.

 

 

IMG_2350

 

Os restantes comensais ficaram também muito satisfeitos com um lombinho de porco, com favinhas, gema de ovo, batatinhas e hortelã.

 

IMG_2346

 

Para encerrar uma sobremesa sem açúcar, que por aqui não se usa: texturas de morango, chocolate e manjericão. Não provei mas disseram-me que estava deliciosa.

 

IMG_2347

 

Infelizmente ao almoço como não à menú à la carte não foi desta que consegui provar o  afamado bife tártaro. Uma boa descula para lá voltar 😉

Mais informações no site da Zomato

Deixar uma resposta

Campos obrigatórios têm *.


Preencha o CAPTCHA *