Macau Dim Sum … Cantão em Lisboa

 

Adoro dim sum, sou fã do restaurante Mandarim no Casino do Estoril, onde os almoços de dim sum são um autêntico manjar dos deuses. Já conhecia o Macau Dim Sum junto às Amoreiras mas apesar de ter gostado do dim sum, a sala grande e impessoal não me tinha cativado.

 

Isto apesar de ter aquilo que eu considero um grande ponto  a favor quando entro num restaurante chinês: 90 por cento da clientela tem os olhos em bico. Logo sabem onde se come bem e não gato por lebre.

Mas estava eu a dizer que há muito tempo que não ia ao Macau Dim Sum, até que ouvi falar que tinha uma fabulosa sopa ácida picante, uma das maravilhas da cozinha chinesa e lá fui eu.

 

 

E posso assegurar que não é boa, é MARAVILHOSA. Ácida q.b, picante no ponto, aromática até dizer chega. Uma mistura de sabores incrível que explode na boca e nos faz subir aos céus.

E rica e muito rica. Com caldo de pato, tofu, cogumelos shitake, bambu, gambas, aros de malagueta e cebola crocante, patos desfiado.  Quentinha, reconfortante. Boa mas boa.

Ainda partilhei com o F. alguns pratos Dim Sum: crepe vietnamita, dumplings de camarão, raviolis de camarão com cebolinha e gambas e delicias do mar enroladas em algas. Estava tudo óptimo aliás, como sempre.

 

 

Ao almoço dos dias de semana para quem não sabe o Macau Dim Sum tem menú a 7,95 euros que inclui sopa + crepe/sala, + prato + doce. Há também um menú de Dim Sum com o mesmo preço.

 

 

Mais informações em Zomato

 

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios têm *.


Preencha o CAPTCHA *