Tasca Urbana, O Lugar

Já por aqui disse várias vezes o quanto embirro com modas… ora desata a abrir uma hamburgaria em cada esquina, ora desata tudo a tirar doutoramentos em Gin e nas inúmeras formas de mexer, misturar, verter e beber; ora é  moda dos rooftops, das sunset parties, dos Paez e afins…
Mas aqui também me confesso, apesar de embirrar com modas e histerias colectivas, tenho uns Paez – e acho que são mesmo os sapatos mais confortáveis do mundo; acho que há rooftops fantásticos, já me diverti muito em sunset parties e não digo que não a um bom hambúrguer ou a um Hendriks com muito gelo e pepino.

Tudo isto só para dizer que também embirro um bocadinho com a moda das “tascas” e das “tabernas” que de repente começaram a surgir que nem um cogumelos pelas esquinas de Lisboa. Parece que tudo que é restaurante que tenha no menú uns ovos com farinheira ou uma tábua de queijos, já tem direito a chamar-se taberna ou tasca e logo aí ficar “hiper trendy” porque o que está a dar é recriar o passado com um toque de modernidade.

Mesmo assim já fui a várias – Taberna Moderna, Taberna Ideal, Taberna das Flores – e confesso que gostei.

Esta semana, foi a vez de tropeçar sem querer na Tasca Urbana, o Lugar, ali quase a chegar ao Mercado da Ribeira. E não é que apesar da minha embirração pelas tabernas, foi mais um encontro muito agradável.

A “tasca” em questão tem um ar bem arejado, com uma mini esplanada e uma janela aberta para a rua, uma ementa cheia de petiscos para partilhar mas também pratos do dia e, como os donos são portuenses, até Francesinha tem.

Apesar de ter ficado tentada por vários dos petiscos presentes – bolinhas de vitela com queijo da ilha, ovos quebrados com presunto ou linguiça, empada de porco preto com queijo da Serra – lá me contive e pedi para partilhar por dois, um carpaccio de bacalhau fumado com rúcula e pimentos e uma alheira à brás.

Estavam ambos muito bons. Como não sou menina de sobremesas, estas não me tentaram, mas ouvi dizer que o bolo de chocolate é divinal. Fica para uma próxima, que será em breve concerteza.

 

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios têm *.


Preencha o CAPTCHA *