3º dia em Lyon

Lyon amanheceu ao terceiro dia com muito sol e um céu azul maravilhoso. Começamos por subir de funicular para a Notre Dame de Lyon a grande igreja que fica no cimo da colina a olhar sobre a cidade.
Um problema no funicular levou nos no entanto até duas paragens acima, St Just, onde resolvemos parar para um café num bistrot bem agradável, o Nicephore.

 

 

Daí descemos para as ruinas Galo Romanas. Lyon foi capital da provincia da Gália durante o Império Romano e ainda se pode ver aqui os vestígios dessa civilização.

 

 

 

Mais abaixo fica então a Notre Dame de Lyon, que sinceramente de fora não me convence, mas por dentro é linda.

 

 

Vale muito a pena também a bonita vista sobre a cidade a partir da Catedral.

 

 

 

 

Pena foi mesmo a descida que tivemos que fazer desta até à Velha Lyon, já que o funicular continuava avariado. Mais uma vez lá tivemos que acarretar o carrinho da F. por escadarias infindáveis.

 

 

 

Com isto tudo quando chegámos cá abaixo já eram quase três da tarde e mais uma vez nos deparámos com o problema das cozinhas fechadas. Lá conseguimos ser servidos no Le Gourmant de Saint Jean, um bouchon com comida lionesa. Provamos os Ovos Meurette, uma especialidade local que consiste em ovos escalfados num molho de vinho tinto e vinagre, com bacon e salsa. Uns gostaram, outros acharam que tinha vinho a mais.

 

 

 

 

Houve também quem provasse as tripas à moda de Lyon e o foie gras, outra especialidade local. Eu e a pequena F. dividimos um entrecote que apesar de vir com molho de vinho, em vez de pimenta como tinha pedido, e mais bem passado do que médio, estava bem saboroso.

O resto da tarde foi passado pelo centro da Velha Lyon, deambulando pelas suas ruas empedradas e espreitando as lojinhas.

 

 

 

Tags:
Deixe um Comentário

<%-- Viagens --%> Blogs do Ano - Nomeado Viagens